Backlinks: estratégia para ranquear no Google

Backlinks Estrategia Para Ranquear No Google

Backlinks fazem parte do conjunto de técnicas e boas práticas de SEO cuja estratégia facilita um site/página/blog ranquear no Google e nos demais sites de buscas.

Além disso, os backlinks também têm o poder de conferir maior autoridade ao site, quando referenciados por outros sites de renome no mercado.

Por isso, o trabalho de link building deve estar associado a um conteúdo relevante o suficiente a fim de motivar as pessoas a indicar para o Google este ou aquele site.

Continue lendo o nosso artigo para saber como o uso de backlinks pode ajudar o seu negócio a ficar no topo do Google. Confira.

O que são backlinks?

A grosso modo, backlinks são os links inseridos em sites/páginas/blogs de modo a facilitar a navegação dos usuários, indicando conteúdos complementares à sua pesquisa.

Para isso, podem ser utilizados:

Links internos: quando os links direcionam o leitor para outras páginas dentro do próprio site em que ele já está;

Links externos: quando os links encaminham o leitor para outros sites, externos ao site em que ele está.

Sendo os backlinks integrantes do conjunto de técnicas e boas práticas de SEO, sua principal função é ajudar a ranquear conteúdo no Google, Yahoo, Bing etc.

Isso é possível pelo fato de que os algoritmos do mecanismo de busca dão maior credibilidade para páginas referenciadas por sites de terceiros, principalmente.

Com isso, o uso dos backlinks também confere maior autoridade aos conteúdos dos sites que contam com essa ajudinha dos outros sites.

Tipos de backlinks

Mais importante que adotar os backlinks como estratégia para ranquear no Google, é fundamental construí-los da forma correta.

Isso inclui a construção de uma rede de links de forma totalmente orgânica e livre de práticas enganosas cujo intuito seja burlar os protocolos de uso dos mecanismos de busca.

Veja nos próximos tópicos os tipos de backlinks mais utilizados nas estratégias de SEM e SEO.

Link juice

Link juice é o link externo mais utilizado quando o objetivo é aumentar a autoridade de domínio do site, visando conseguir acessos via site de terceiros e/ou domínios externos.

Nesse sentido, tanto quanto melhor a qualidade do domínio e da página de origem, maiores são as chances de alcançar boa reputação na web.

Por esse motivo, esse é o tipo de link mais desejado pelas empresas, sendo também o mais importante no rol do SEO.

Portanto, é fundamental investir em conteúdos relevantes, únicos e que não sejam reprovados no teste semântico dos algoritmos de buscas.

Já que os robôs do algoritmo conseguem detectar, não só os conteúdos plagiados, como também aqueles que apresentam similaridades com os de outros domínios.

Além disso, é importante que os links sejam direcionados para sites que realmente façam conexão com a intenção original de pesquisa do leitor.

Em outras palavras, não adianta ser indicado por links aleatórios de sites externos, mas que não tenham nenhuma relação com o interesse do leitor.

Nofollow links

Nofollow links é um tipo de backlink que é utilizado quando a intenção é que o algoritmo de busca não entenda o link como sendo uma referência.

Neste caso, ele costuma ser bastante utilizado em páginas que possuem espaço aberto para os leitores deixarem seus comentários acerca do conteúdo lido.

Dessa forma, impedindo que usuários mal-intencionados se utilizem disso para inserir links nos comentários e fazer divulgação de sites/produtos/páginas etc.

Sendo isso necessário, uma vez que tais práticas comprometem o posicionamento do site, pois os mecanismos de buscas podem interpretar isso como algo negativo.

Todavia, inserindo o atributo nofollow no editor de texto do site ou no código HTML, tais links maliciosos são identificados pela tag nofollow e ignorados pelo algoritmo.

Root domain links

Root domain links são links originários de um mesmo domínio. Mas é preciso que haja coerência entre os assuntos tratados nas páginas linkadas à página de origem.

Caso este requisito não seja observado, os links não funcionarão a contento e nem serão bem vistos pelo Google e demais algoritmos de buscas.

Low quality links

Low quality links é o tipo de backlink que não é recomendado para nenhum caso, pois são entendidos pelo algoritmo como sendo tentativas ilícitas de gerar links.

Com isso, prejudicando todo o trabalho já realizado de SEO, incluindo a otimização dos sites, dos conteúdos já publicados, das URLs etc.

Internal links

Internal links é o tipo de backlink que é utilizado para estimular o leitor a navegar por todas as páginas de um dado site.

Exemplo: a página Home de um site que direciona o leitor para as páginas de serviços e/ou especialidades, por meio dos links ali inseridos.

Dessa forma, melhorando os indicadores de desempenho que mostram ao Google/Bing/Yahoo se os visitantes gostam ou não dos conteúdos do site.

Com isso, sendo possível mensurar:

  • Tempo de navegação;
  • Número de páginas acessadas;
  • Taxas de rejeição etc.

Enfim, dedicar tempo para fazer este trabalho permite ter ferramentas precisas que vão demonstrar possíveis pontos de melhorias a serem feitos no futuro.

Link building: técnica para construir redes de links

O link building é a técnica utilizada na estratégia de backlinks, cuja ideia é criar uma rede de links para direcionar tráfego de qualidade para uma página/site/blog.

Além disso, o link building também ajuda no processo de fortalecimento de marcas/nomes/empresas perante o Google e demais mecanismos de buscas.

Veja nos próximos tópicos as principais técnicas de link building.

Marketing de conteúdo

Sem o marketing de conteúdo, os backlinks são de nenhum proveito. Por isso, antes de pensar em fazer o link building, é preciso criar conteúdo relevante e de qualidade.

Sendo o marketing de conteúdo uma ferramenta indispensável para motivar o público a compartilhar os conteúdos publicados em sites/blogs/redes sociais.

Para isso, podem ser utilizados:

  • Posts em listas;
  • Enquetes;
  • Quizz;
  • Calculadoras;
  • Formulários;
  • Guias de instrução;
  • Pesquisas etc.

Tais formatos de conteúdos costumam produzir muito interesse no público, pois são fáceis e rápidos de aprender e de interagir.

Guest posting

O guest posting ou postagem de convidado, em tradução livre, consiste na elaboração de posts para publicação em blogs de parceiros, na qualidade de conteudista convidado.

Em troca, o conteudista convidado tem a permissão para inserir seus links nos posts por ele produzidos para publicação no blog parceiro.

Para isso, é fundamental ter em mente o benefício que essa troca vai proporcionar aos visitantes/público, em vez de só pensar em criar backlinks sem sentido e inúteis.

Co-marketing

O Co-marketing é uma estratégia semelhante ao guest posting, com a diferença de que os conteúdos são produzidos em parceria.

Para isso, várias empresas/pessoas/marcas se unem para criar materiais ricos e de interesse comum aos seus públicos.

Dessa forma, todos os envolvidos participam da produção dos conteúdos e promovem seus produtos/serviços/marcas, bem como os links para suas páginas.

Assessoria de imprensa

A Assessoria de imprensa é uma ferramenta que muitas empresas estão investindo, tendo em vista o potencial do retorno que ela pode proporcionar.

Geralmente, este trabalho é feito por jornalistas formados que possuem um bom trânsito entre os grandes canais de comunicação, como jornais, TVs, rádios, portais etc.

Dessa forma, buscando contatos e mantendo um relacionamento amigável com tais mídias, visando ter um espaço para divulgar/apresentar seus produtos/serviços/marca.

Menções sem links

Correr atrás das menções sem links também é uma boa alternativa para criar uma boa rede de links.

Isso porque o Google se utiliza das menções feitas por outros sites/blogs/redes sociais para critérios de classificação do ranking de resultados das pesquisas.

No entanto, apenas receber menções não é suficiente para aumentar a autoridade na web, é necessário ter os links também.

Para conseguir identificar a origem dessas menções, o Google Alertas pode ajudar nesta missão.

Dessa forma, sempre que o seu site ou palavras pré-definidas por você forem mencionados por outros sites, o Google Alertas emitirá uma notificação para avisá-lo.

Além do Google Alertas, o próprio buscador do Google também pode ser utilizado para encontrar menções sem links.

Neste caso, pode ser digitado assim no buscador:

“sua marca” –site:suamarca.com.br

Utilizando este atributo, os resultados mostrarão todos os sites que já mencionaram o seu site, mas sem considerar as menções feitas pelo seu próprio site.

Feito isso, é só ir em busca dos administradores desses sites e negociar a inserção dos seus links na página deles.

Topic clusters

Topic clusters é a técnica de link building utilizada para hierarquizar páginas de sites/blogs, fazendo uso de links internos.

A técnica consiste na elaboração de um post com base em palavras-chave primárias, como por exemplo as palavras-chave principais de um negócio.

Dessa forma, cada uma dessas palavras-chave se torna um pilar do topic clusters, as quais serão referenciadas em conteúdos secundários.

De modo semelhante ao que ocorre com a rede de links externos, o Google valoriza os conteúdos principais que estão no topo da hierarquia do site/blog, para fins de ranqueamento.

Redirecionamento de links quebrados

Redirecionar links quebrados é uma tarefa de casa que nunca acaba, já que a todo momento ocorrem mudanças na estrutura de sites/blogs/conteúdos.

Embora seja comum clicarmos em links que não direcionam para nada, essa prática prejudica a experiência do usuário e resulta em perda de tráfego.

Além disso, links quebrados também comprometem o posicionamento do site/página/blog/conteúdos nos primeiros resultados de pesquisas.

Diante disso, é importante estar constantemente fazendo a manutenção dos links quebrados para fins de redirecionamento para as URLs corretas.

Para isso, é só inserir no código da página o código de retorno chamado Redirect 301, assim, permitindo que o usuário seja redirecionado para a página que ele deseja acessar.

Rejeição de backlinks duvidosos

Rejeitar backlinks de sites duvidosos e de spams também ajuda a melhorar a classificação no ranking do Google e demais mecanismos de buscas.

Para fazer isso, pode ser utilizada a ferramenta Google Search Console, na qual poderá informar os sites e domínios que deseja rejeitar os backlinks.

Geralmente, leva um tempo para o Google entender que tais sites e domínios devem ser ignorados para fins de classificação, mas funciona.

Em todo caso, fazer contato pessoal com os administradores dos referidos sites para solicitar a remoção dos backlinks também é uma opção.

Ferramentas de backlinks

Para obter êxito com a estratégia de backlinks, é necessário ter cuidado com a origem da fonte que está referenciando o site/página/blog/conteúdo.

Além disso, a manutenção de links quebrados também é uma tarefa que não pode ser negligenciada, tendo em vista o impacto negativo para fins de ranqueamento.

E para ajudar neste processo, existem algumas ferramentas específicas para a estratégia de backlinks que podem facilitar bastante o trabalho.

Veja nos próximos tópicos algumas ferramentas úteis para a estratégia de backlinks.

Ahrefs

Utilizada para:

  • Avaliar os links do seu próprio domínio;
  • Notificar links perdidos ou recebidos;
  • Avaliar o seu perfil para backlinks;
  • Fazer auditoria dos links e do site por completo.

Além disso, a ferramenta Ahrefs também auxilia na aquisição de backlinks.

SEMrush

Concorrente direta da Ahrefs, mas com menos funcionalidades, a SEMrush se destaca por oferecer funcionalidades exclusivas, como por exemplo:

  • Análise de concorrência;
  • Pesquisa de palavras-chave;
  • Melhorias do SEO.

A SEMrush também se diferencia das demais concorrentes por seu rico banco de dados, classificado como excelente pelo segmento.

Check my links

A Check my links é uma ferramenta gratuita e muito útil para corrigir links quebrados e também para auxiliar nas técnicas de link building.

Google Search Console

O Google Search Console também é uma ferramenta gratuita bastante utilizada nas estratégias de link building.

Por meio desta ferramenta, é possível coletar informações estratégicas, como:

  • Saber quais das suas páginas mais recebem backlinks;
  • Verificar quais páginas devem ser consideradas prioridade;
  • Saber quais sites possuem maior quantidade de links direcionados para o seu site;
  • Identificar quais são os textos-âncora que apontam mais links para o seu site.

Enfim, quanto mais dados em mãos, maiores as chances de ter uma rede de links forte e funcional.

Conclusão

Finalmente, os backlinks são considerados um dos principais fatores de ranqueamento em sites de buscas.

Além disso, por meio de uma estratégia eficaz de aquisição de links, são maiores as chances de conquistar autoridade na web, dentre muitos outros benefícios.

Mas por hoje ficamos por aqui. Esperamos que essas informações possam te ajudar nas suas estratégias de backlinks.

E se precisar da nossa ajuda, é só clicar aqui para falar conosco. A Sagy Marketing agradece pela preferência.

Até a próxima!

Créditos:

Livro digital: Marketing na Era Digital, por Martha Gabriel;

E-book: Marketing Digital, por Alexandre Luzzi Las Casas; e 

Blog: https://rockcontent.com/br/blog/backlinks/

 

Classifique nosso post
Compartilhar:
Picture of Nicole Rozeno
Nicole Rozeno
"Olá! Eu sou Nicole, redatora SEO aqui na Sagy e apaixonada por palavras e entusiasta da otimização de conteúdo online. Com uma caneta sempre pronta e um olhar atento para as tendências digitais, mergulho no universo da escrita para criar conteúdo que não apenas atrai, mas também eleva a visibilidade online. Minha jornada como redatora SEO na era digital envolve a habilidade de transformar conceitos complexos em textos envolventes e amigáveis aos motores de busca. Na constante busca por palavras-chave relevantes e estratégias de otimização, estou comprometida em impulsionar a presença online dos meus clientes. Vamos juntos explorar a arte de contar histórias de forma otimizada e conquistar os primeiros lugares nos resultados de pesquisa!"

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter

Get free tips and resources right in your inbox, along with 10,000+ others
Recomendado para você
O engajamento no Instagram é um ótimo indicativo de que…